Ouvir Texto Stop

O Auditório do Anexo da Prefeitura de Miracema foi o palco, na noite desta quarta-feira, 10, da solenidade de posse dos novos conselheiros tutelares do município. Em uma cerimônia cuidadosamente organizada, as conselheiras titulares Sara Mota, Juliane Santana, Fabiana Ribeiro, Ducelia Maria, Edilvania Barros, juntamente com as suplentes Natália Ingridy, Jaciara Santana e Evanilde Ribeiro assumiram a responsabilidade de serem defensoras incansáveis das crianças e adolescentes pelos próximos quatro anos.

O evento também marcou a entrega do título de honra ao mérito para os conselheiros que estão encerrando seus mandatos. A prefeita Camila Fernandes expressou sua gratidão e destacou o papel crucial desses profissionais na proteção dos direitos da juventude.

 

Em suas palavras, a prefeita enfatizou: “É uma alegria imensa participar dessa cerimônia. Esses conselheiros foram habilitados, treinados, e eu tenho certeza de que desempenharão essa função com grande primazia. E vamos continuar trabalhando diariamente para garantir que essas ações sejam efetuadas”.

 

A prefeita também abordou os avanços conquistados durante sua gestão, incluindo a entrega de móveis e o desbloqueio de recursos para melhorar as condições de trabalho do Conselho Tutelar.

 

A secretária de Administração, Selma Tavares, destacou a relevância da reforma de um antigo prédio que em breve será a nova sede do Conselho Tutelar. "Estamos comprometidos em proporcionar um ambiente adequado para que essas mulheres extraordinárias desempenhem seu papel vital na defesa dos direitos das futuras gerações. A reforma visa garantir condições ideais para o trabalho dessas profissionais tão importantes para o município. Em breve, teremos a satisfação de inaugurar um espaço salubre, que atenderá a todas as demandas necessárias para garantir os direitos das nossas crianças e adolescentes de forma efetiva”, afirmou.

 

As novas conselheiras tutelares, agora empossadas em Miracema, desempenharão um papel fundamental na defesa e promoção dos direitos das crianças e adolescentes do município. Com a responsabilidade de zelar pelo cumprimento do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), atuarão para garantir um ambiente seguro e saudável, intervindo em situações de vulnerabilidade e assegurando que os direitos fundamentais dessa parcela da sociedade sejam respeitados e preservados.

 

Miracema do Tocantins, 11 de janeiro de 2024.